dezembro
30

Político x cachorro

Posted In: Piadas by Simone Castillo

Qual a diferença entre um político e um cachorro atropelados???

Antes do cachorro, há marcas de freada….

dezembro
30

2009 pode ser o seu ano.

Posted In: Motivação by Simone Castillo

Há quem pense que nos dias de hoje para se manter no emprego é necessário ser bom na parte “técnica” e não se preocupar com outras atribuições. É um equívoco e as pessoas tem pagado caro por isso. Pontualidade, cordialidade, comprometimento com a empresa, jogo de cintura e bom humor são algumas características fundamentais para ter ou se manter em um bom emprego.
Infelizmente isso tudo vem se perdendo ao longo dos anos, da baixa qualidade da formação educacional, da cultura que não se aprende em casa, dos maus exemplos. Temos muita gente no mercado de trabalho mas pouca gente de qualidade, que realmente merece a pena investir, dar oportunidade. Por isso eu tenho dito que para se destacar e ter sucesso, nos dias de hoje, a coisa não é tão difícil assim… porque é fácil se sobressair se você tem vontade de aprender e algum talento.
Tenho sempre falado e escrito em meu blog e em meus artigos que é preciso atualizar-se ou investir em um aprendizado mais forte, mais marcante do que o oferecido em escolas. é possível ser auto didata porque existe muito material bom para ser apreciado… as pessoas tem preguiça, não tem motivação para aprender.. mas o sucesso todo mundo quer, não é mesmo? O sucesso exige sacrifícios, entrega, persistência no que se busca. Pensem nisso, 2008 já acabou e vem mais um ano… será este o seu ano? Só depende de você , das escolhas que você fizer, do que pretende ceder para conseguir vitórias, do que não pretende abrir mão.
O que posso dizer? Lute, batalhe pelo que quer, faça o que tem que ser feito porque nada vem de graça nesta vida e tampouco se destacar é algo corriqueiro. É preciso coragem, fé e preparo.

Feliz 2009!!

dezembro
4

* Quem é canhoto pode prestar vestibular para direito?

* Dizer que gato preto dá azar é preconceito racial?

* Com a nova Lei Ambiental, afogar o ganso passou a ser crime?

* Homossexual é o sabão para lavar os órgãos genitais? Em caso positivo, será que serve para lavar a Vara Civil?

* Cabe recurso adesivo no absorvente da mulher ativa?

* Pessoas de má-fé são aquelas que não acreditam em Deus?

* Qual a capital do estado civil?

* Defeito oculto da coisa é um japonês de cueca?

* Quantos quilos por dia emagrece um casal que optou pelo regime
parcial? O nu-proprietário tem direito a caução?

* Tem algum direito a mulher em trabalho de parto sem carteira assinada?

* A gravidez da prostituta, no exercício de suas funções, caracteriza acidente no trabalho?

* Seria patrocínio um assassinato do patrão?

* Cabe relaxamento de prisão nos casos de prisão de ventre?

* A teoria do tipo foi elaborada pela Fiat ou pela Chevrolet?

* A marcha processual tem câmbio manual ou automático?

* Provocar o judiciário é xingar o juiz?

* Podemos dizer que a vida processual é cheia de autos e baixos?

Fonte : Bobeiras.com.br

dezembro
4

Acreditar e Agir

Posted In: Motivação by Simone Castillo

Um viajante ia caminhando em solo distante, às margens de um grande lago de águas cristalinas. Seu destino era a outra margem.
Suspirou profundamente enquanto tentava fixar o olhar no horizonte. A voz de um homem coberto de idade, um barqueiro, quebrou o silêncio momentâneo, oferecendo-se para transportá-lo.
O pequeno barco envelhecido, no qual a travessia seria realizada, era provido de dois remos de madeira de carvalho.
Logo seus olhos perceberam o que pareciam ser letras em cada remo. Ao colocar os pés empoeirados dentro do barco, o viajante pode observar que se tratava de duas palavras, num deles estava entalhada a palavra ACREDITAR e no outro AGIR.
Não podendo conter a curiosidade, o viajante perguntou a razão daqueles nomes originais dados aos remos. O barqueiro respondeu pegando o remo chamado ACREDITAR e remou com toda força. O barco, então, começou a dar voltas sem sair do lugar em que estava. Em seguida, pegou o remo AGIR e remou com todo vigor. Novamente o barco girou em sentido oposto, sem ir adiante.
Finalmente, o velho barqueiro, segurando os dois remos, remou com eles simultaneamente e o barco, impulsionado por ambos os lados, navegou através das águas do lago chegando ao seu destino, à outra margem. Então o barqueiro disse ao viajante:
- Esse porto se chama autoconfiança. Simultaneamente, é preciso ACREDITAR e também AGIR para que possamos alcançá-lo!

Autor: desconhecido