abril
18

Salve o caráter

Posted In: Diversos by Simone Castillo

” A capacidade habilita o homem a chegar ao topo, mas é o caráter que o impedirá de cair”

Olá amigos,
Li uma matéria em uma revista que me deixou triste. Formandos de Administração de Empresas escolheram o ex-tesoureiro do PT para paraninfo, apesar de todas as acusações de corrupção e seu afastamento do Governo. Quando questionados sobre o porque o escolheram, revelaram que souberam que apesar do escândalo sabiam que ele daria uma boa quantia para a festa então não se importaram.
Essas pessoas que se formam e agem desta maneira, contribuem com o quê para o mercado profissional? E como uma Universidade pretende formar profissionais de caráter permitindo que isto aconteça? Daqui a pouco vão convidar um assassino, um pedófilo ou qualquer outra pessoa com um desvio de personalidade para servir de espelho para os que ingressam no mercado de trabalho.
É chocante e triste ver que isso acontece e ainda serve de exemplo. Uma pena. Nós que realmente trabalhamos, prezamos pela educação e pelo respeito só temos a lamentar uma atitude destas.

fevereiro
2

calor humano Olá amigos,
Tenho visto muitas empresas que investem pesado em aparência para se destacar no mercado e da concorrência. A aparência é muito importante, sem dúvida, porém não é tudo. Aparência sem conteúdo também é sinonimo de fracasso, sabiam? Pode demorar um pouco mais até que se perceba que não existe nada além da beleza das instalações, de boas roupas, belas unhas e assim por diante, mas no final o que conta mesmo é que a falta de eficiência, de profissionalismo, de compromisso com o cliente .. aparece e acaba por destruir o negócio.
Ter um produto de qualidade, um bom serviço, importar-se com os problemas dos clientes, esforçar-se para cumprir e atender prazos, ter calor humano para fazer com que cada cliente se sinta único e especial… isso falta em muitas empresas e isso é justamente o que diferencia o sucesso do fracasso.

setembro
23

j0312564Olá amigos.
Já a algum tempo eu venho postando no blog algumas considerações sobre a necessidade de economizar, de guardar dinheiro para as emergências, de não gastar mais do que se ganha… pois bem hoje pela manhã recebo o jornal e a primeira coisa que leio : Dívida no Cartão de crédito é recorde.
O brasileiro está mais endividado do que nunca no cartão de crédito e isso é um problema grave porque com dívida nas costas é muito difícil concentrar-se em um bom trabalho, em outras decisões que não sejam totalmente focadas em dinheiro e muitas vezes para crescer é preciso desfocar do dinheiro, por incrível que pareça.
Volto a dizer amigos: vamos controlar os gastos, o mundo não vai acabar amanhã ou depois, vamos planejar com seriedade e disciplina nossa vida financeira- além de garantir nossa sobrevivência com mais qualidade, esse processo nos trará mais felicidade. Podem crer.

setembro
21

A verdade da Fórmula I

Posted In: Diversos by Simone Castillo

brasilOlá amigos.
Foi-se o tempo em que sentávamos no sofá nos Domingos pela manhã e tínhamos uma sensação de patriotismo e alegria ao ver uma corrida de Fórmula I. A garra, a coragem e muitas vezes o atrevimento do piloto Airton Senna foram inigualáveis neste e em qualquer outro esporte.
Agora com os últimos acontecimentos na Fórmula I e o envolvimento de Nelsinho Piquet,infelizmente fazem agente pensar naquela época e que saudade que dá.
Assim como no esporte, nas empresas também existiram tempos bem diferentes dos de hoje. Existia a palavra dada que valia mais do que qualquer assinatura, existia menos ganancia e mais compreensão entre concorrentes, existia mais coleguismo e menos “puxa tapete” entre os profissionais.
Tempos que não eram menos difíceis do que os de hoje, porque em seu momento todos os tempos foram difíceis. Sempre foi árduo alcançar o sucesso, naqueles tempos o sucesso eram medido de outra maneira, mas sucesso foi sempre sucesso. E o tempo? Existia mais tempo para tudo… até para sentar num Domingo pela manhã e ver a corrida de Fórmula I…
Mas nós que estamos vivendo os tempos de hoje, temos que nos acostumar com tantas coisas! Coisas tão mais feias do que quando éramos crianças e mais inocentes, quando agente acreditava num jogo, numa corrida, num esporte qualquer. Hoje, desconfiamos de tudo e como não ser assim quando só temos notícias escandalosas que mexem com nosso brio de torcedor? É uma pena, meus amigos… e fazem cada vez mais falta ídolos que possamos adorar, pessoas de valor, que nos dêem orgulho, por quem valha a pena assistir, torcer.
Precisa aparecer alguém assim, como nos tempos do Senna, para apagar essas imagens ruins que vão ficando e nos desencantando de tudo.